DESEMPREGO BATE RECORDE NA EUROZONA: 11,9%

O desemprego na Eurozona atingiu o índice de 11,9% em janeiro (quase 19 milhões de pessoas), provocado pelo péssimo resultado na Espanha, onde a taxa de pessoas sem trabalho chegou a 26,2%.
No conjunto dos 17 países da zona do euro, 11,9% das pessoas estavam desempregadas no primeiro mês do ano, contra 11,8% em dezembro de 2012, informou a agência de estatísticas Eurostat.
Os dados confirmam as previsões deste ano para a Eurozona divulgadas pela Comissão Europeia (CE), que projeta uma taxa de desemprego de 12% em 2013, o equivalente a 20 milhões de pessoas.
Na Espanha, quarta economia da união monetária, o desempregou subiu a 26,2% em janeiro, contra 26,1% em dezembro.
Os dados são ainda mais graves entre os jovens. Apenas em janeiro foi registrado um aumento de 295.000 jovens sem emprego entre os países do bloco. Na Espanha, o índice de jovens desempregados atingiu 55,5%.
Os menores índices de desemprego foram registrados na Alemanha e em Luxemburgo (5,3%) e na Áustria (4,9%).

Esta entrada foi publicada em Mercado Financeiro. ligação permanente.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>